fbpx

Blog

As últimas notícias sobre a comunidade, entrevistas, , dicas e muito mais!
Bottom image

StartupON Sudeste – Começa nesta segunda, 28 de setembro

A Abstartups junto com os líderes de comunidades da região, em parceria estratégica com a AWS e apoio da Ambev e Dell Technologies + Intel, lança o StartupON Sudeste.

Envolvemos organizadores de todos os Estados desde o primeiro momento que decidiram abordar 3 grandes temáticas que tocam a Região Sudeste do Brasil. O evento contará com grandes nomes nos setores de Agro, Educação e Saúde em painéis que ocorrerão à partir das 19h nos 3 dias (segunda 28/9, terça 29/9 e quarta 30/9).

28/9

19h Saúde | Acesso

Saúde para todos: como assegurar mais inclusão e pleno atendimento?

19h45 Saúde | Biossegurança

Efeito pandemia: será que basta confiar nos protocolos de biossegurança?

29/9

19h Educação 4.0 | NTICS e Metodologias Ativas

Como inovar  para transformar a educação 

19h45 Educação 4.0 | Acessibilidade e dispositivos educacionais

Como a tecnologia poderá atender demandas educacionais no futuro

30/9

19h Agro

Soluções tecnológicas que aumentam a sustentabilidade e a competitividade do Agro Brasileiro

19h45 Agro

Hubs de Inovação do Agro

INSCRIÇÕES MENTORIAS

Das 17h às 19h de todos os dias, em slots de 1 hora, teremos mentorias sobre os mais variados assuntos, para isso, inscreva-se no 2º tipo de ingresso e complete suas informações que entraremos em contato pelo telefone/ Whatsapp que você se inscreveu (sexta dia 25/9 – véspera do evento)

*Para agradecer quem preenche o MAPEAMENTO DE STARTUPS DO BRASIL, daremos para essas startups prioridade para o match com mentores. As demais também serão atendidas, de acordo com a ordem de inscrição.

Serão mais de 120h de mentorias com diversos especialistas e investidores.

Disney lança curso gratuito focado em criatividade e inovação

A Disney lança esta semana gratuitamente o curso Imagineering in a Box em português e espanhol.

Desenvolvido pelo Walt Disney Imagineering (WDI) em conjunto com os criadores de Pixar in a Box e Khan Academy, organização global sem fins lucrativos que oferece cursos gratuitos, a plataforma reúne diversos talentos do Disney Imagineers.

Segundo a empresa, a iniciativa faz parte do compromisso em ajudar crianças e jovens a criar o futuro que sonham, “por meio de programas transformadores que inspiram e despertam imaginação”.

O Walt Disney Imagineering é uma empresa que reúne uma área de design e desenvolvimento, um estúdio de storytelling e um laboratório de inovação.

O programa contém módulos que combinam 32 vídeos educacionais nos quais Disney Imagineers compartilham estudos de caso reais e muitas atividades interativas que demonstram como eles usam seu conhecimento em ciência, tecnologia, artes e matemática.

As aulas darão aos usuários a oportunidade de criar sua própria experiência de parque temático. O curso tem como objetivo gerar curiosidade, inspirar criatividade e incentivar a inovação na mente de jovens entre 11 e 18 anos, em professores especializados em artes, humanidades, ciências e matemática, e, ao mesmo tempo, criar oportunidades ao explorar novos conceitos.

“Os Disney Imagineers são pessoas de pensamento criativo, solucionadores de problemas e inventores que criam parques, navios, resorts e experiências únicas em todo o mundo.”, afirma Jon Snoddy, research and development studio executive, Walt Disney Imagineering. “Este programa ensina alunos curiosos e esperamos que inspire a próxima geração de Disney Imagineers, mostrando-lhes o que é possível quando há trabalho colaborativo entre os envolvidos em engenharia e arte. “

As aulas abordam desde um tutorial sobre software de engenharia, como o CAD, até um exercício interativo no qual você é convidado a coletar itens ao seu redor para criar algo novo. Cada atividade é projetada para ser escalonável, permitindo que as pessoas aprendam por conta própria ou em sala de aula.

“Não importa a profissão que você escolha, é extremamente valioso aprender como transformar uma ideia que você tem na cabeça em uma realidade tangível. Esta proposta é uma grande oportunidade de ganhar experiência prática aplicando conceitos de arte e engenharia a desafios de design, como pode ser visto em exemplos da vida real de parques globais da Disney. É realmente transformador”, comenta Josh Gorin, creative development executive, Walt Disney Imagineering.

Por outro lado, o Disney+, a plataforma de streaming que será lançada no dia 17 de novembro na América Latina, apresentará a docusérie The Imagineering Story dentro de seu catálogo exclusivo. Composta por seis episódios, a produção mostrará uma visão dos bastidores de como o Walt Disney Imagineering sonhou, projetou e construiu parques Disney em todo o mundo.

Acesse o conteúdo aqui.

Fonte – Propmark

Assista, compartilhe e participe – Demoday StartupRio 2020

Apresentação das 28 melhores startups da 4a Edição do Edital do StartupRio do ano de 2019. Um aquecimento para a próxima edição que começa no próximo dia 14 de setembro .

Assine o canal no youtube

Programação

14h00 – Abertura

Paulo Espanha, Coordenador Geral do Programa Startup Rio

Maurício Guedes, Diretor Tecnologia FAPERJ

Prof Jerson lima, Presidente FAPERJ

Sec. Leonardo Rodrigues, SECTI-RJ

Ministro Marcos Pontes, MCTI

14h30 – Bate-papo de Abertura

Luiza Helena Trajano, Presidente do Conselho do Magazine Luiza

e do Grupo Mulheres do Brasil

15h00 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

15h15 – Palestra

Mario Costa, Executivo de TI e Mestre em Administração de Empresas

15h25 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

15h40 – Palestra

Vania Neves, CIO & Líder de Inovação na GSK Farma Brasil

15h50 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

16h05 – Palestra

Fred Santoro, Head Startup Sales AWS Brasil

16h15 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

16h30 – Palestra

Riel Miller, Head of Futures at UNESCO

16h40 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

16h55 – Palestra

Joaquim Campos, VP Cloud and Cognitive SW da IBM

17h10 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

17h25 – Palestra

Paulo Eduardo Guimarães (Peguim) – Presidente da Associação Brasileira

de Automação para o Comércio (AFRAC)

17h35 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

17h50 – Palestra

Roberta Coelho, CEO Game XP & Head of Business Development at Rock in Rio

17h55 – Pitch Startups

Startups Graduandas 4º Ciclo Startup Rio

18h20 – Encerramento

Sec. Leonardo Rodrigues

Evento avalia o desempenho de startups aceleradas no Startup Rio

Empresas nascentes de base tecnológica, contempladas pelo programa Startup Rio, apresentam seus produtos e serviços no Demoday – ou “Dia de Demonstração” –, na próxima quarta-feira, dia 2 de setembro, das 14h às 18h. O evento será transmitido pelo canal do Startup Rio no Youtube e também pelo Zoom. As inscrições podem ser feitas pelo site. O propósito do evento é propiciar uma visão dos resultados obtidos na quarta edição do programa, lançado em meados de 2018. A referida edição, iniciada no princípio de 2019, teve 226 projetos selecionados que receberam, ao longo de aproximadamente um ano, apoio para o desenvolvimento de seus projetos. Agora, as startups mais bem avaliadas pelo programa – cerca de 20 – terão a oportunidade de apresentar seu negócio para o público, representantes do ecossistema de inovação e investidores de diferentes modalidades, com o objetivo de divulgar os seus negócios e conseguir investimentos. O programa Startup Rio é uma parceria da Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) com a FAPERJ.

Entre os palestrantes confirmados para o evento estão o ministro de Ciência, Tecnologia, Inovação (MCTI), Marcos Pontes; o secretário Estadual Ciência, Tecnologia e Inovação, Leonardo Rodrigues, o presidente da FAPERJ, Jerson Lima Silva; a CIO & Líder de Inovação da GSK Farma Brasil, Vânia Neves; o Head of Futures Literacy (Unesco), Riel Miller; e a presidente do Conselho do Magazine Luiza e do Grupo Mulheres do Brasil, Luiza Trajano.

Para o secretário Leonardo Rodrigues, o evento só tem a contribuir com o ecossistema de inovação, além de dar mais visibilidade ao trabalho das startups e de poder aproximá-las de investidores de diferentes modalidades.“Parabenizo todos os participantes do 4° edital do Startup Rio, em especial os melhores que vão se apresentar no Demo Day. É o momento de promover a conexão entre estes dois importantes mundos, que podem e devem resultar na realização de bons negócios e na diversificação da economia. Desejo sucesso a todos nessa incrível jornada do empreendedorismo”, disse o titular da Secretaria Estadual de C,T&I.

O presidente da FAPERJ aposta que o século XXI será marcado pela revolução do conhecimento e da inovação. “Minhas boas vindas e votos de sucesso aos participantes da quarta edição do Startup Rio. Esse programa é crucial para consolidar o Rio de Janeiro como um estado inovador e empreendedor, junto com outras ações da FAPERJ e da SECTI de fomento à ciência e à tecnologia”, ressaltou Jerson Lima.  

Coordenador Geral do Startup Rio, Paulo Espanha destaca que reforçar a vocação criativa natural do Rio de Janeiro sempre foi um dos objetivos do programa. “Nossos melhores votos a todos aqueles que encerram esse curto período de capacitação e mentoria conosco. A equipe do Startup Rio se sente honrada em fazer parte das vidas de vocês. Saber que de alguma forma ajudamos a ‘mudar o jogo’ do nosso estado nos traz a sensação de ver nosso dever cumprido. Sucesso a todos”, comentou.

De acordo com os organizdores o Demoday Startup Rio 2020, momento final do ciclo de aceleração do edital de 2018, tem como propósito aumentar a visibilidade das startups, ampliando suas chances de receber investimento no futuro.

O público que acompanhará o evento decidirá qual a melhor startup do Demoday, de acordo com os indicadores e metodologia aplicada no programa, e a vencedora ganhará prêmios.

Serviço:
Demoday StartupRio 2020
Data:
 2 de setembro (quarta-feira).
Horário: das 14h às 18h.
Local: Canal do Youtube do Startup Rio e pelo Zoom.
Inscrições Gratuitas: https://demodaystartuprio.com/

Lista preliminar das startups selecionadas para o evento:

  • beRap
  • Cyberlabs-AI4U
  • Delta Arcade – Politicagem
  • Fitaro
  • Flopo
  • FoodWars
  • GoblinWars
  • LocalCave
  • NaÀra
  • Nvesto
  • Octos
  • Petipa
  • RealValor
  • Rede que Faz
  • SabeInvest
  • Sollytch
  • TagHope
  • The Light of the Darkness
  • Triagil
  • Trialforge

Sobre o Startup Rio:

O programa Startup Rio é fomentado pela FAPERJ, fundação vinculada à Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI). Atualmente, 46 startups são aceleradas pelo Startup Rio e funcionam gratuitamente no espaço de co-working do programa com mais de 1.000m², no bairro do Catete, na Zona Sul da capital fluminense. No total, 116 startups já receberam o fomento do Governo do Estado do Rio, em seis anos. O componente educacional tem a função de apoiar o desenvolvimento dos projetos e de uma cultura empreendedora, de forma dinâmica e completa, utilizando técnicas de ensino modernas e inovadoras especialmente desenhadas pela equipe do programa para empreendedores.

Com informações da Assessoria de Comunicação do Programa Startup Rio

É amanhã, o Demoday do StartUp Rio.

Esse é o maior Demoday já realizado pelo Startup Rio, pela quantidade e nível das startups selecionadas (onde diversas já receberam prêmios internacionais e aportes milionários), além do time estelar de keynotes/palestrantes✨👆

🚨 Vem escrever com a gente essa página especial do Programa!!!

Agora está com você a missão de eleger pelo voto online qual a startup campeã da 4° Edição histórica do Programa Startup Rio! APENAS para quem estiver com a gente ao vivo (dia 02/ set às 2pm)

Inscreva-se: www.demodaystartuprio.com

Startup do programa StartupRio 2019, recebe aporte de R$ 28 milhões

A CyberLabs, empresa de inteligência artificial (IA) com sede no Rio de Janeiro, vai receber um aporte de R$ 28 milhões da Redpoint eventures, de capital de risco e participações.

O acordo será anunciado hoje. É a primeira captação da CyberLabs, fundada em 2017 e, desde então, mantida com recursos dos sócios. A fatia adquirida não é revelada. Em geral, a participação da Redpoint costuma variar entre 15% e 25% do capital.

A Cyberlabs

CyberLabs existe há 3 anos, no bairro de Botafogo, na cidade maravilhosa do Rio de Janeiro. Como a boa startup que somos, nosso dia-a-dia é frenético. Sabemos que a tecnologia evolui diariamente, sempre buscando novas soluções para a população e para o mercado.

Com total liberdade para contribuir, propor negócios e explorar novidades seja em software ou com hardware. O CEO, Marcelo Salles, se comunica com todos diariamente para compartilhar suas ideias malucas e qual o futuro ele imagina para nós. Dessa forma, seus sonhos se tornam nossos sonhos também.

Em nossa sede, recebemos meetups das comunidades de tecnologia do Rio de Janeiro, onde conectamos pessoas com interesses em comum e promovemos a conversa de como a tecnologia impacta nosso presente, nossas soluções e o futuro do Rio de Janeiro e do Brasil.

Startup Rio 2020 – 176 propostas foram selecionadas

A FAPERJ divulgou, nesta quinta-feira, 20 de agosto, o resultado preliminar do edital Startup Rio 2020: Apoio à Difusão de Ambiente de Inovação em Tecnologia Digital no Estado do Rio de Janeiro. Dos 527 projetos cadastrados inicialmente, apenas 328 foram efetivamente submetidos ao processo seletivo. Na seleção, foram classificadas, preliminarmente, 176 propostas. Os selecionados terão, a partir desta sexta-feira, 21 de agosto, até o dia 31 deste mês para a entrega da documentação para comprovação da regularidade econômica e financeira dos projetos pré-qualificados, de acordo com o item 9.3.4. do edital. Esta entrega se dará via SisFAPERJ, em função da pandemia.

Criado com o objetivo de fomentar e promover iniciativas que versem sobre a temática da Difusão do Ambiente de Inovação em Tecnologia Digital, o edital, lançado no final de 2019, incentiva a apresentação de características inovadoras na área de tecnologia digital, por meio da aplicação de tecnologias habilitadoras, como Tecnologia de Registro Distribuído (DLT), inteligência Artificial (IA), Internet das Coisas (IoT) e Realidade estendida (XR) nas áreas de Energia, Saúde, Educação, Finanças, Jurídico, Segurança, Mineração, Óleo e Gás, Marketing e Mídia, Varejo (comércio digital, gerenciamento de pedidos e estoques, integração de canais, soluções inovadoras de marketplace), Animais de Estimação, Economia Criativa (turismo, esporte, cultura, lazer, design, arquitetura, artes, moda, música, literatura), Cidades Inteligentes (visando tornar os componentes de infraestrutura e serviços essenciais de uma cidade mais inteligentes, interligados e eficientes), na própria área de Tecnologia da Informação e Comunicação, e na produção e desenvolvimento de jogos eletrônico para exploração comercial em consoles, computadores ou dispositivos móveis.

O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação disse que a escolha das melhores propostas do edital foi uma tarefa difícil. “A qualidade dos projetos apresentados é surpreendente a cada ano. Desejo sucesso aos que se propuseram a caminhar nessa jornada de empreendedorismo. O Startup Rio é referência nacional e motivo de orgulho para a população fluminense. Estão todos em boas mãos. Parabéns!”, disse Leonardo Rodrigues. Para o presidente da FAPERJ, Jerson Lima Silva, em meio à gravíssima crise de saúde por que passa o Rio de Janeiro e o País, com suas profundas repercussões na arrecadação estadual, a FAPERJ não apenas manteve em dia o pagamento de todos os seus bolsistas, mas está garantindo um importante investimento de recursos nos projetos que lidam diretamente com o enfrentamento da pandemia. “Com a divulgação dos resultados da primeira etapa do Startup-Rio, a FAPERJ também fomenta o empreendedorismo, fundamental para que o estado encontre saídas criativas e duradouras para sua estabilização social e econômica. Esse Programa tem como uma de suas maiores virtudes fazer com que os recursos cheguem a municípios fora da região metropolitana, como Macaé, Campos do Goytacazes, Mangaratiba, Vassouras, Itaperuna, entre outras. Não podemos pensar um programa pujante e justo de ciência, tecnologia e inovação para o Estado do Rio de Janeiro sem que o investimento alcance suas regiões interioranas”, disse.

O coordenador geral do programa, Paulo Espanha, lembrou que o Startup Rio é o maior programa de desenvolvimento de novos empreendedores do Governo do Estado, tendo sido eleito pelo Ecossistema de Inovação como um dos 10 melhores do país em 2019. “Reforçar a vocação criativa, natural do Rio de Janeiro, sempre foi um dos objetivos do Startup Rio. Nesses últimos meses, toda a Equipe do Startup Rio junto com um grupo de executivos que se uniram ao programa como mentores voluntários, tem trabalhado incessantemente, mesmo na crise pandêmica, para pôr em ação a mais ousada edição do edital Startup Rio. Nesta, que se iniciará em setembro, a expectativa é de que até 240 novos projetos/startups façam parte desse programa, crescendo em seis vezes em tamanho. Esses novos projetos serão atendidos não somente no Rio mas em outras 12 cidades, multiplicado por 12 o alcance”, disse Espanha. “Não somente iremos  capacitar os empreendedores mas também formaremos novos Mentores e Agentes de Inovação por todo o estado. À eles, toda uma nova metodologia pedagógica será disponibilizada, criando um modelo base e único do estado. Isso permitirá que professores, pesquisadores, executivos de mercado e atores do ecossistema possam trazer suas contribuições para melhorar a capacitação que é ofertada aos empreendedores, se apropriando do Programa. É, definitivamente, o mais ambicioso e apaixonante Projeto que já lideramos e executamos”, complementou.

Para o diretor de Tecnologia da FAPERJ, Maurício Guedes, o programa Startup Rio é uma importante iniciativa da Secretaria Estadual de C,T&I e da FAPERJ, voltada para o  fortalecimento da capacidade de inovação da economia fluminense. “Os pesquisadores, empreendedores e as empresas são os protagonistas deste processo. Temos incentivado, também através de outros programas, que jovens doutores iniciem  negócios que possam transformar conhecimento em emprego e renda. Temos estimulado a absorção de pesquisadores por pequenas e médias empresas. A relação institucionalizada de empresas inovadoras com universidades e instituições de pesquisas é uma das bases de qualquer ecossistema de inovação sustentável. A disseminação do Startup Rio pelo interior do estado tem sido um dos destaques das últimas edições do programa”, frisou.

Compostas de até cinco membros por projeto, as equipes participarão do Programa Avançado de Formação Empreendedora no qual terão acesso a treinamento, consultoria e atividades afins de nivelamento, técnicas de gestão, validação da ideia e construção de plano de negócios. Foram selecionadas 176 propostas para participação do Programa nas diversas localidades onde ele ocorrerá, sendo 113 propostas para participação do Programa na cidade do Rio de Janeiro, 6 na cidade de Barra Mansa, 19 em Campos dos Goytacazes, 3 em Engenheiro Paulo de Frontin, 4 em Itaperuna, 19 em Macaé, 2 em Mangaratiba, 7 em Petrópolis e 3 em Vassouras.

As equipes das propostas selecionadas participarão do Programa Avançado de Formação Empreendedora, a ser aplicado na primeira fase do programa Startup Rio, antes de passar, em seguida, por um novo processo seletivo para participar das duas fases seguintes, focadas no efetivo desenvolvimento dos seus empreendimentos, quando receberão os recursos financeiros no valor de até R$ 60 mil, e receberão – além dos recursos financeiros – supervisão dos projetos pela equipe do Programa, serviços de mentoria e treinamento em desenvolvimento de produto, técnicas de vendas, construção de protótipo e gestão de empresas.

Confira, no link abaixo, a listagem completa dos contemplados:

Resultado preliminar: Startup Rio 2020: Apoio à Difusão de Ambiente de Inovação em Tecnologia Digital no Estado do Rio de Janeiro

SEDE DO PROGRAMA STARTUP RIO

Lançado em 2013 e, com início das operações em 2014, o startupRIO é o Programa da Secretaria de Ciências, Tecnologia e Inovação do governo do Estado, de capacitação de Empreendedores Digitais, tornando-se o Centro de Gravidade do Ecossistema, atraindo pessoas de todas as idades para uma jornada de sucesso.

Esse Programa visa cumprir os objetivos da Secti –RJ:

Fomentar as boas ideias, que nutridas, sejam apropriadas em empreendimentos maduros e relevantes, fortalecendo a base tecnológica.

Incentivar, estimular, apoiar e promover iniciativas que versem sobre a temática da Difusão do Ambiente de Inovação em Tecnologia Digital, de forma a motivar a cultura de inovação tecnológica, criatividade e empreendedorismo no estado do Rio de Janeiro.

Fundamentado no incentivo ao desenvolvimento de ideias, fornecemos uma orientação proativa e dirigida para que os empreendedores consigam transformar suas ideias em startups prontas para serem aceleradas ou investidas, tem como finalidade o estímulo ao crescimento com qualidade do ecossistema de empreendedorismo digital no Estado do Rio de Janeiro. Como consequência, transformando o Estado do Rio de Janeiro em ambiente propício e atrativo para o desenvolvimento de novos negócios inovadores.